quarta-feira, 25 de junho de 2014

PJ investiga transferências do FC Porto para duas contas na Suíça

É o último inquérito-crime do tempo do Apito Dourado. A ida de Ricardo Carvalho e Paulo Ferreira do FC Porto para o Chelsea foi há dez anos mas está ainda a ser investigada. Documento suíço revela 4,5 milhões de euros transferidos pelo clube para duas contas em Zurique.

 Ricardo Carvalho. O jogador foi vendido por 30 milhões ao Chelsea em 2004 e poucos dias depois foram transferidos 1,35 milhões de euros para a Suíça sem que, no entender do Ministério Público, nada o justificasse / Reuters

 
A Polícia Judiciária está a terminar uma investigação sobre suspeitas de crimes de fraude fiscal e abuso de confiança relacionados com a transferência de Paulo Ferreira e Ricardo Carvalho no verão de 2004 do Futebol Clube do Porto para o Chelsea. O inquérito-crime está a ser conduzido pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção da PJ e inclui ainda a venda de Giourkas Seitaridis ao Porto pelo clube grego Panathinaikos em setembro desse ano. 

FONTE DA NOTÍCIA : Expresso
 

1 comentário:

  1. ihihihihihiii...se a PJ descobre a verdade lá se vai a reserva destinada à Viagra...ihihihihi

    ResponderEliminar