domingo, 19 de maio de 2013

Pinto da Costa criou um "monstro"

O presidente Pinto da Costa há 31 anos no poder e outros tantos a conspurcar o futebol nacional criou um monstro.

 A nivel desportivo a monstruosidade do clube é por demais associada a factos menos claros, sendo mais correcto é associado a corrupção e se dúvidas existem, o Youtube e a net dissipam quaisquer dúvidas que continuam a povoar a cabeça de juízes ou mesmo do governo que por medo, intimidação ou corrupção teimam em não intervir, mas não só os sucessivos governos se calam como as oposições de qualquer partido ficam de bico calado, não ouvimos por parte de nenhuma bancada partidária a exigência de justiça ou prisão para Pinto da Costa e seus "partners in crime", antes pelo contrário homenageiam e condecoram-no, tudo muito à maneira portuguesa, em qualquer outro país estaria na cadeia há muito.

O "monstro" criado nada mais passa que uma associação entre polícias das esquadras do Porto e os gangues da Ribeira/Superdragões, os criminosos mais perigosos da cidade, além de protegerem Pinto da Costa ainda intimidam, não só pela Ribeira ou cidade do Porto como por todo o país, a casa do presidente do Paços de Ferreira Carlos Barbosa assaltada, a casa de Luis Filipe Vieira assaltada a Federação Portuguesa de Futebol assaltada (disseram existir provas filmadas e não só dos criminosos e agora este estranho silêncio).

Pinto da Costa chamou para perto de si, alguém que por fora lhe garantísse vitórias dentro das quatro linhas,  com ameaças, pressões, agressões e não só a agentes do futebol, o "fino" tratamento também foi dado a jornalistas, empresários, advogados e até a políticos...

Só que Pinto da Costa  perdeu o controle, o FC Porto tinha os gangues da Ribeira, agora são os gangues da Ribeira que têm o FC do Porto, um resultado mais negativo do FC do Porto, num jogo decisivo como o de hoje em Paços de Ferreira, podem levar à morte na praia, literalmente... o risco é enorme, Vitor Pereira e sua familia podem sair muito maltratados de um possivel resultado negativo e nem o seu palavreado sem "açaime" anti-Benfica o poderá safar, ou ganha... ou foge e de preferência para fora do país, apesar dos contactos avançados pelo Sporting para a sua contratação a resposta será sempre um NÃO... o medo impera e mesmo Pinto da Costa que criou o monsto não estará a salvo... portanto hoje só existe um possivel resultado ou a vitória do FC do Porto que tem que ser garantida a todo o custo ou um resultado negativo e a direcção e equipa técnica a terem que sair escondidinhos pelas traseiras e Vitor Pereira e a sua família fazerem as malas com urgência para fora do país...

Sem comentários:

Enviar um comentário