quarta-feira, 24 de abril de 2013

Capela era defendido por Pinto de Sousa

João Capela, o árbitro envolvido em polémica após ter apitado o jogo Benfica--Sporting (2-0) do último domingo, era um dos protegidos de Pinto de Sousa na altura do Apito Dourado.


As escutas ontem reveladas em exclusivo pela CMTV mostram uma conversa entre Pinto de Sousa, então presidente do Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol, e Luís Nunes, membro do mesmo organismo. O primeiro pergunta ao segundo por que não foi ver o jogo Tirsense-Trofense. João Capela era o árbitro e Pinto de Sousa diz para o seu interlocutor: "Ia ver uma grande arbitragem…" E conta-lhe que está naquele momento com o juiz de linha.
As escutas ontem reveladas pela CMTV mostram ainda um mundo de compadrio na arbitragem. Pinto de Sousa falava regularmente com os restantes membros do órgão para mudarem as classificações. Chegou mesmo a aceitar uma cunha de Isabel Damasceno, presidente da Câmara de Leiria, por causa da classificação de um árbitro daquela cidade. Pinto de Sousa conversa depois com o filho e conta-lhe o pedido. O familiar responde-lhe que "dá sempre jeito" ajudar a autarca.
Nas mesmas escutas há ainda referência ao informático da Federação que era responsável pelas listagens. Pinto de Sousa está irritado. Diz que não pode ficar nas mãos das mudanças efetuadas pelo técnico da Federação. Queria garantir que as classificações eram feitas conforme as suas instruções.

Por:Tânia Laranjo

FONTE DA NOTÍCIA: CORREIO DA MANHÃ

Sem comentários:

Enviar um comentário